sexta-feira, 24 de abril de 2009

Babel



Projeto de Marcelo Bicalho e Jalver Bethônico, para exposição na Escola de Belas Artes em Agosto de 2008.



Jogo da Galinha





Projeto de Daniel Pinheiro Lima e orientação de Jalver Bethônico e Francisco Marinho, para exposição na Escola de Belas Artes em Agosto de 2008.



Download do aplicativo

Viajante



Projeto de Rosilane Mota e orientação de Jalver Bethônico e Francisco Marinho, para exposição na Escola de Belas Artes em Agosto de 2008.

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Poeminhocas



Poeminhocas é uma série de três versões de obras de arte computacional que relaciona poesia escrita, visual e gestual. A interface de Poeminhocas permite que dois usuários possam interagir com o sistema e entre si. Cada usuário porta uma fonte de luz infra vermelha que é captada por sensores da câmera do "nunchuck"(joystick do nintendo wii). Essa coordenada é fornecida ao software (via comunicação bluetooth) que projeta no ponto captado a imagem de um círculo.

Várias minhocas desenhadas por junções de letras vagam caoticamente pelo ambiente. Ao acender-se uma fonte de luz infra vermelha, as minhocas são atraídas pela luz e convergem para seu interior. O usuário pode caminhar com a luz IR(infra vermelha) sob a câmera que registrará seus movimentos transformando-os em coreografias gráficas e visuais dinâmicas. Uma vez que os dois usuários estejam com as luzes ligadas e as minhocas caóticas sejam totalmente engolidas pelo círculo (com coordenadas da fonte de luz) começa um diálogo visual entre os círculos que representam o interator no ambiente digital imagético. De cada círculo parte um verso/palavra de poema que caminha em direção ao outro círculo estabelecendo um outro tipo de leitura e textualidade amparada na escrita e na performance gestual dos interatores.

A metáfora poética que subjaz ao sistema é "do caos ao logos/poiésis pela luz"

A primeira versão do poeminhocas foi apresentada no Festival de Inverno da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)em Diamantina em 2008. A segunda versão foi apresentada em uma mostra de arte computacional na Faculdade de Ciências Econômicas (FACE) UFMG. E a terceira versão foi apresentada junto com outras obras de arte computacional do grupo 1maginári0 no sagão da Reitoria da UFMG em 2008.

Programação: Francisco Marinho e Gustavo Morais Gushm

Bolas Didáticas



O projeto foi uma instalação na exposição de Arte Digital EBA - UFMG, que ocorreu no saguão da Reitoria da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) nos dias 18 a 21 de Novembro de 2008. Bolas didáticas foi criada para o projeto Aladim, coordenado pela professora Carla Viana Coscarelli (UFMG-Fale).

Aladim é um projeto de pesquisa sobre alfabetização e letramento através de interfaces interativas multimodais que usa ambientes de jogos digitais. O projeto tem várias abordagens conceituais e práticas. Uma das modalidades usa a tecnologia de visão computacional com reconhecimento de padrões visuais, como os fiduciais do projeto reactable, para criar uma interface física que propicia aos interatores maior liberdade de movimentos, fato bastante relevante no que tange à relação ensino/aprendizagem de crianças. O jogo programado tem por objetivo a formação de palavras a partir de sílabas.

Programação: Bruno Santos e Francisco Chaves.
Coordenação: Francisco Marinho.

Download do aplicativo