terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Pixel e vetor sobre a tela: visão computacional aplicada à animação

Um personagem-digital (uma silueta de 0 e 1) encontra-se (ou tenta encontrar-se) num universo de máquinas (aparatos de força e tempo). Ao acordar neste labirinto, ele vai aos poucos percebendo os sons do ambiente. Vai contactando com o espaço geral para depois interagir com objetos. Ouve asas que passa a perseguir (ou que passam a persegui-lo?)... Se vê cercado por criaturas híbridas (bichos-máquinas) monstruosas e é salvo por um anjo-feminino e levado para outro universo tecnológico (aparatos de música).

Com esse argumento, estamos preparando um roteiro que está sendo contruído a partir de diversas montagens de imagens e animações de alunos do curso de cinema de animação e artes digitais, além de bolsistas da escola de belas artes.

Sem desvincular o desenvolvimento tecnológico das demandas estéticas práticas, o projeto propõe 3 abordagens: (1) criação de cenários e elementos de cena em tempo real sem substituição do ator, substituição do ator por animações (2) para performances e (3) para filmes. Na pesquisa de referências, buscamos formas baratas de captar a ação do ator como base para a relação tempo-espaço na tela. Desenvolvemos um software que mapeia as cores filmadas, recorta os atores de um fundo monocromático, insere um cenário digital e, também, permite a inserção de elementos animados, dispositivos e áreas sensíveis à interação dos atores. No estágio atual, estamos desenvolvendo uma performance sobre a relação homem-máquina na qual o ator deitado em uma plataforma com rodas é filmado e tem sua imagem recortada e inserida em cenários virtuais com os quais interage controlando eventos e a execução musical ao vivo.

Abaixo temos vídeos de um dos primeiros testes. O primeiro mostra a imagem do ator sendo captada, enquanto o segundo traz o resultado sendo projetado na tela.





Em breve postaremos aqui o software usado nessa montagem, junto com seu código fonte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário